terça-feira, 7 de setembro de 2010

Eu já desconfiava!


Oi, gente, tudo bem? Andei sumidinha, morrendo de vontade de postar, mas sem tempo para preparar um "postzinho' sequer. Bom, hoje, feriado, uma trégua na correria, estava lendo um site que gosto muito sobre saúde e nutrição e achei uma matéria superinteressante sobre o excesso de peso: O ESTRESSE ENGORDA. Eu já tinha quase certeza. Porque quanto mais eu corro, estresso e me viro nos 30 para dar conta de tudo, mais e mais fome eu tenho. E não serve frutinha, barrinha de cereal, suquinho. Nessas horas eu preciso mesmo é de uma confort food: bolinho de chocolate, barrinha de chocolate, brigadeiro, capuccino, salgadinho, pão, pão, pão... tudo com um copo de coca! E, com a falta de tempo, a atividade física fica sempre pra segunda-feira (que não chega nunca). Mas a culpa pelos quilos à mais não é só da compulsão por comidas que produzem sensação de prazer. Os hormônios também têm sua parcela de culpa porque fazem a gordura se acumular no abdômen. Agora eu entendo porquê engordei tanto depois que me casei. Quando solteira, jantava um pratão de comida e mamãe sempre tinha uma sobremesa: trufa, pavê, bombom. A comida dela tem mais gordura que a minha. Hoje como menos, substituí o jantar por um lanchinho leve, nada de sobremesa, e ainda assim ganhei 5 quilos em um ano.
Se quiser saber mais, leia o artigo do site Sentir Bem:

http://sentirbem.uol.com.br/index.php?modulo=artigos&id=97&tipo=1

Aliás, tenho aqui nos meus favoritos um índice com matérias superinteressantes sobre saúde do site:

http://sentirbem.uol.com.br/index.php?modulo=artigos_seg&id_seg=2

E tem também matérias voltadas para pessoas de outras faixar etárias, é só selecionar.
Um bom feriado ensolarado e até a próxima!